Catarina Fernando

Share your story

Tenho 18 anos e os meus pais nunca iriam aceitar que eu tivesse um filho com esta idade. Infelizmente tive de abortar mas sem duvida que era a minha ultima opção. Estou completamente de coração partido pelo que fiz, e o pior de tudo é que vi a fotografia do meu filho.. e a verdade é que é meu e seria o meu primeiro filho e é completamente angustiante perdê-lo. Dia 22 de Maio fui à primeira consulta de IVG (interrupção voluntária da gravidez) e na ecografia descobri que estava grávida de 8 semanas e 6 dias. A médica passou-me o papel para voltar lá dia 25 de Maio para a toma do primeiro comprimido e assim foi. Dia 25 foi ao hospital, tomei o comprimido e não tive efeitos secundários nenhuns. No dia 27 de madrugada (4:30h) acordei e fui tomar o misoprostol (2 na boca e 2 na vagina). cerca de 5min depois comecei a ter cólicas horriveis, sofri mesmo. Levantei-me para fazer xixi e senti-me super tonta, as minhas pernas tremiam e acabei por vomitar. Passado cerca de 2 horas consegui adormecer por isso previ que as cólicas tivessem desaparecido. As 7:15h da manhã acordei e fui á casa de banho e comecei a sangrar imenso mas já não tinha dores nenhumas. Voltei a dormir e acordei as 8:30h só com uma moinha na barriga e assim permaneceu toda a manhã, mas foi algo que aguentei bem pois era aquelas dores que se costuma ter quando se tem o período. De vez em quando ia à casa de banho e saia uma quantidade considerável de sangue e alguns coágulos. Nesse mesmo dia até agora (dia asseguir) não voltei a ter qualquer dor e o sangue que deito é pouco e só vem acompanhado ás vezes com alguns coágulos. Acho estranho ver tanta gente a contar o seu aborto e dizer que sofreu dias e dias e por isso tentei procurar respostas na internet do porquê de basicamente só ter tido umas horas de sofrimento mas não encontro nada. Não sei se é normal ou não mas infelizmente só dia 12 é que irei à consulta saber se foi com sucesso ou não.

2018 Portugal

Tenho 18 anos e os meus pais nunca iriam aceitar que eu tivesse um filho com esta idade. Infelizmente tive de abortar mas sem duvida que era a minha ultima opção. Estou completamente de coração partido pelo que fiz, e o pior de tudo é que vi a fotografia do meu filho.. e a verdade é que é meu e seria o meu primeiro filho e é completamente angustiante perdê-lo. Dia 22 de Maio fui à primeira consulta de IVG (interrupção voluntária da gravidez) e na ecografia descobri que estava grávida de 8 semanas e 6 dias. A médica passou-me o papel para voltar lá dia 25 de Maio para a toma do primeiro comprimido e assim foi. Dia 25 foi ao hospital, tomei o comprimido e não tive efeitos secundários nenhuns. No dia 27 de madrugada (4:30h) acordei e fui tomar o misoprostol (2 na boca e 2 na vagina). cerca de 5min depois comecei a ter cólicas horriveis, sofri mesmo. Levantei-me para fazer xixi e senti-me super tonta, as minhas pernas tremiam e acabei por vomitar. Passado cerca de 2 horas consegui adormecer por isso previ que as cólicas tivessem desaparecido. As 7:15h da manhã acordei e fui á casa de banho e comecei a sangrar imenso mas já não tinha dores nenhumas. Voltei a dormir e acordei as 8:30h só com uma moinha na barriga e assim permaneceu toda a manhã, mas foi algo que aguentei bem pois era aquelas dores que se costuma ter quando se tem o período. De vez em quando ia à casa de banho e saia uma quantidade considerável de sangue e alguns coágulos. Nesse mesmo dia até agora (dia asseguir) não voltei a ter qualquer dor e o sangue que deito é pouco e só vem acompanhado ás vezes com alguns coágulos. Acho estranho ver tanta gente a contar o seu aborto e dizer que sofreu dias e dias e por isso tentei procurar respostas na internet do porquê de basicamente só ter tido umas horas de sofrimento mas não encontro nada. Não sei se é normal ou não mas infelizmente só dia 12 é que irei à consulta saber se foi com sucesso ou não.

Ana Luiza

A ironia entre abortar e renascer.

VIcky

Yo aborte

Hattie Ladd

I have had two abortions. The first one was when I was 20 and the second when I…

Raquel Monterrey

I spoke with the spirit of my child before my abortion. That spirit who was…

Sara

Siedziałam przed psychiatrą, opowiadając jej wydarzenia sprzed ostatnich…

Javi

La historia, tal cual, detrás mi aborto

Priscila

Há 5 anos atrás fiz um aborto,e hoje vejo claramente que foi a melhor escolha e…

Daniela Moraes

É fácil defender o aborto das outras. Difícil é decidir quando a gente precisa…

Urszula

Po porodzie miałam postanowienie, wiecej dzieci nie chcę, mój ginekolog dobrze…

C123

CRÓNICAS DE UNA MUJER QUE DECIDIÓ NO TRAER UN HIJO A ESTE MUNDO...

Machilla

“I had an abortion” will appear automatically, but please feel free to change…

Mireya Mireya

Y no siento culpa, dolor o pena se que aún sigue siendo tabú en México por la…

Bee

I felt very guilty but relieved . I was way too young to be a mother.

Vivi Lili

La vdd no creo que sea malo soy una mujer casada y tengo un precioso hijo pero…

YoungWoman NotReadyNow SecretsAreComplicating

This website gave me the confidence that I could do it. It gave me all the…

Miqueyla

No me arrepiento de lo que hice. Abortar suena demasiado frío , asi que mejor…

squaine123

Not in this alone

Lucie

I had more than one abortions. I made the choices because I care about the…

qbAnchic

This will be my 5th abortion today. This is the first time I've do e it with…

Nami

porque mi situación económica era pésima, al igual que la de mi pareja, ninguno…